27 de outubro de 2007

Check-list India

As listas de "bugigangas" e utilitários para a viagem começam a se definir.
Segue abaixo a listinha básica:


Medicamentos:
  • Antinflamatório/ analgésico
  • Antialérgico
  • Antidiarréico
  • Colírio
  • Pomada para assadura
  • Bandaid

Higiene:
  • Shampoo
  • Condicionador
  • Escova de cabelos
  • Amarrador de cabelo
  • Creme para pele
  • Sabonete liquido
  • Desodorante
  • Protetor solar
  • Batom
  • Pasta de dentes
  • Escova de dentes
  • Pinça
  • Lâmina de barbear
  • Papel Higiênico
  • Lenços umedecidos
  • Cotonetes
  • Cortador de unhas
  • Alicate
  • Lixa

Roupas:
  • Boné/ gorro
  • Luva
  • Cachecol
  • Calça-bermuda
  • Calça de fleece
  • Blusa de fleece
  • Camisetas manga curta de dry fit
  • Camisetas manga longa de dry fit
  • Casaco corta-vento
  • Roupas intimas (meias, calcinha, soutian)
  • Pijama
  • Sandália Havaianas
  • Tênis

Utilitários/ Outros:
  • Mochila cargueira
  • Mochila pequena
  • Pochete
  • Câmera digital
  • Cartão de memória para camara digital
  • Pilhas recarregáveis
  • Carregador de pilhas
  • Relógio de pulso com despertador
  • Caderno para anotações
  • Caneta
  • Guia de viagem
  • Óculos de sol
  • Óculos de grau
  • Passaporte
  • Dinheiro
  • Cartão de crédito/ saque
  • Saco de dormir
  • Toalha de banho

Lanchinhos:
  • Sachês de mel
  • Bicoito salgado
  • Chocolates diversos


a concluir...

6 de outubro de 2007

Preparações para a India - livros, yoga e pimenta

Os preparativos para a viagem seguem normalmente. Além de comprar uma nova super mochila cargueira, com todos os itens que eu esperava encontrar (caso a marca resolva me patrocinar eu libero o modelo para vcs), estou tentando me "sintonizar" com o país através do que se pode encontrar disponível em Florianópolis.

Naturalmente um dos itens de fácil acesso é a leitura. Sendo que acabo de ler os seguintes exemplares:

A Distancia entre Nós - de Thrity Umrigar. Romance que se passa em Bombaim, India. Patroa e empregada de diferentes castas convivem anos juntas, em cumplicidade, mas ao mesmo tempo distantes, separadas por uma fronteira intransponível.







Expresso para a India - de Airton Ortiz. Relata a viagem do próprio autor de 3 meses pela India, abordando as belezas e dificuldades encontradas neste país de contrastes.








Paixão Índia - de Javier Moro. Eu gostei muito deste livro, pois é sobre a história real de Anita Delgado, uma bailarina espanhola que se casou no início do século XX com o marajá de Kapurthala (cidade localizada no norte da India).









Carma-Cola - de Gita Mehta. Este livro é uma crítica ao modismo que se tornou a India, onde as pessoas buscam gurus e suas "salvações".










Outros livros complementares, que não são sobre a India, mas tratam da religião muçulmana (uma das religiões oficiais da India), são a trilogia:
  • Princesa, de Jean P. Sasson.
  • As Filhas da Princesa, de Jean P. Sasson.
  • Princesa Sultana, de Jean P. Sasson.
Outra ação em andamento são as aulas de YOGA. Estou fazendo vários estilos para entender a diferença: kripalu, hata, ashtanga, iyengar, ... Na India pretendemos ir a algum Ashram*.

Uma última ação na tentativa de não ter um grande choque cultural durante a viagem (neste caso gastronômico), é a busca por restaurantes/ comidas que se aproximem ao que devemos encontrar por lá. Neste caso, em Florianópolis, é possível encontrar restaurantes tailandês e indonésio, com pratos bem apimentados. Infelizmente ainda não existe um restaurante indiano por aqui.


* Ashram = Ashram, na Índia, é um local onde pessoas que buscam uma vida saudável vivem segundo a filosofia Yogui. A característica principal de um Ashram é o não-contato com bebidas alcoólicas, drogas, cigarro e o não-consumo de carne animal. Orientados por um Guru que serve como ponte de religação com as forças da natureza, esses estudiosos recebem visitantes que queiram entrar em contato com energias positivas e aprender ensinamentos desta filosofia. É um lugar onde as pessoas vão buscar desenvolver o seu lado espiritual por meio de cursos sobre diversos temas que abordam conhecimentos sobre viver em equilíbrio. Algumas pessoas apelidaram os Ashrams de "Spas Espirituais" ou de "Yoga Spas", na tentativa de traduzir para o mundo ocidental o significado deste lugar. A diferença entre um Ashram e um Spa é que no Ashram o objetivo é a melhoria de qualidade de vida, baseando-se na preocupação com o lado espiritual e no equilíbrio entre as coisas. Enquanto no Spa existe uma atenção voltada para a vaidade e o culto à boa forma, no Ashram as lições transmitidas vão, de alguma forma, contribuir para a melhoria de vida como ser humano. Fonte: http://www.catho.com.br/jcs/inputer_view.phtml?id=6839
Related Posts with Thumbnails